Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

You have no right to be depressed

You have no right to be depressed

03
Mai20

I Wanna Be Adored

Tal como diziam Morrissey e Marr "I am human and I need to be loved, Just like everybody else does" e eles bem sabiam do que falavam. Esta necessidade parva e muito humana de sentir afecto e até talvez aceitação por parte das outras pessoas (e de algumas pessoas em especial) é das coisas que acho mais dificieis de gerir. Não é que não me sinta feliz sozinho, porque enquanto filho único habituei-me desde cedo a fazer coisas e a funcionar muitas vezes sozinho (o que também torna tudo estupidamente mais difícil), mas há dias em que parece que falta alguma coisa. Não sempre, mas há dias que sabia bem aquele abraço, palmada nas costas ou outra coisa qualquer que te faça sentir completamente preenchido. Isto é que eu acho dificil de gerir e de perceber quem são as pessoas onde devemos procurar estes afectos. Porque depois muitas vezes por tentar ver sempre o lado melhor de toda a gente acabo sempre por ser quem fica com as dores todas. "allways wake up alone" como dizia a Amy.

Mas lá esta provavelmente isto vem tudo da minha veia de romancista do sec XIX, ou talvez por ser estupidamente melancólico e sentimentalista, ou quem sabe até por ser caranguejo. 

No fundo no fundo a culpa é dos Stone Roses e da quantidade absurda de vezes que ja ouvi a "I Wanna Be Adored"